Novidade! Conheça nossa Plataforma de Cursos Online Acessar

Armazenamento em nuvem cresce durante a pandemia

Armazenamento em nuvens cresce na pandemia

Há um ano, a pandemia de Covid-19 vem acelerando a transformação digital e o desenvolvimento de soluções como armazenamento em nuvem (cloud), Big Data, Inteligência Artificial (AI) e segurança de dados em diversos setores da economia. A necessidade de manter o distanciamento social foi o mote para esta série de inovações, criadas – entre outras necessidades – para a manutenção do trabalho em equipe e à distância, e não somente em empresas de tecnologia, mas em diferentes áreas, como educação e saúde.

Uma das soluções mais inteligentes nestes termos é o armazenamento de informações, dados e arquivos, que são compartilhados em Nuvem Pública. Por meio desta tecnologia, é possível acessar documentos de forma remota, de qualquer parte do mundo, sem precisar de espaço em discos rígidos ou equipamentos caros. O processo é 100% digital.

Por oferecer tantas vantagens, a solução é uma tendência em franco crescimento. Segundo pesquisas da consultoria americana Gartner, até 2025 é esperado que até 85% de todas as empresas do mundo operem dentro da nuvem.

Um exemplo da dimensão da adesão ao armazenamento em nuvem atualmente é o resultado financeiro da Amazon Web Services (AWS). A plataforma da Amazon é a mais adotada e mais abrangente do planeta e atende milhões de clientes – startups, PMEs, grandes companhias e órgãos governamentais. 

De acordo com o jornal Financial Times, quase a metade do lucro operacional da Amazon, em 2020, US$ 4,2 bilhões (R$ 22,43 bilhões), veio da sua divisão de armazenamento em nuvem, a AWS. O aumento de 32%, em comparação ao ano anterior, se deu principalmente em consequência da mudança para o homeworking.

Segundo a própria Amazon, a receita líquida prevista para o segundo trimestre de 2021 deve continuar crescendo. A previsão está entre US$ 4,5 bilhões (R$ 24 bilhões) e US$ 8 bilhões (R$ 42,7 bilhões), incluindo US$ 1,5 bilhão em gastos relacionados a medidas ligadas à Covid-19 em sua rede de logística.

Educação à distância no Mundo

O armazenamento em nuvem tem sido útil para todos os tipos de organizações. No mundo inteiro, a AWS tem permitido uma série de iniciativas, que seriam impossíveis por conta da pandemia.

O Ministério da Educação de Cingapura, por exemplo, usa a nuvem para promover o aprendizado remoto de alunos. Lá, o governo aproveitou esta tecnologia para escalar a educação de forma rápida e confiável, garantindo a continuidade do aprendizado e ensino em casa.

Neste caso, o acesso à nuvem fez com que houvesse um espaço de aprendizagem virtual, com arquivos e documentos disponíveis, como se todos estivessem na escola.

Além do governo, diversos outros segmentos no continente asiático estão investindo em AWS para acelerar os negócios. Os serviços em nuvem se mostraram capazes de atender os desafios da pandemia, unindo custo baixo à excelente velocidade de implementação, com facilidade de uso.

AWS e Saúde: vencendo as barreiras da COVID-19

Contribuindo com o mundo neste momento de pandemia, a AWS lançou a Diagnostic Development Initiative (DDI). Resultado do investimento de 20 milhões de dólares, a empreitada busca avançar na pesquisa sobre Covid-19 e outras doenças infecciosas, em áreas como detecção, diagnóstico e público genômico da saúde.

E, desta forma, ainda no primeiro ano do programa, a AWS apoiou 87 organizações em 17 países. As empresas são de diversos portes, desde startups, que muitas vezes não têm financiamento para implantar tecnologias de ponta, a organizações sem fins lucrativos, além de instituições de pesquisa e empresas.

Ao todo, a AWS já concedeu 8 milhões de dólares em créditos promocionais e serviços profissionais para apoiar uma série de projetos de diagnóstico, incluindo testes diversos para detecção de doenças e a criação de novos medicamentos.

5 Vantagens do armazenamento em nuvem
Os benefícios do armazenamento em nuvem são inúmeros, mas nós selecionamos os cinco principais. Confira:

  1. Backup imediato: não é necessário parar de trabalhar para realizar um backup manual. Tudo está guardado na nuvem de maneira rápida e prática.
  2. Segurança: o serviço online oferece autenticação no acesso aos dados, que são criptografados durante a transmissão, garantindo acesso apenas aos usuários autorizados.
  3. Liberação de espaço: com os arquivos nos sistemas em nuvem, é possível liberar as máquinas para que operem de forma rápida, garantindo mais produtividade.
  4. Acessibilidade: há a possibilidade de acesso aos arquivos por diversos dispositivos, como smartphones, notebooks e desktops, basta estar conectado à internet.
  5. Colaboração: vários usuários podem editar e colaborar em um único arquivo ou documento, sem que haja preocupação em encontrar a versão mais recente para trabalhar nela.

O que é a Amazon Web Services

Nuvem é transformação digital

Percebe o quanto estamos vivendo em um momento de completa transformação?

O armazenamento em nuvem está possibilitando centenas de iniciativas, na saúde, na educação e em diversas áreas, inclusive na sua. Pois então, você já sabe como vai se adequar a este novo momento?

Para que esta transformação ocorra de forma eficiente e prática, é preciso de parceiros confiáveis. A dataRain, empresa associada da ABCIS, é membro premiado da AWS Partner Network (APN) e oferece soluções tecnológicas utilizando os diversos serviços de Computação e Armazenamento em Nuvem Pública da Amazon Web Services. Essas soluções ajudam as empresas a se moverem mais rapidamente, baixar os custos com TI e escalar. 

As maiores companhias e as startups mais proeminentes do mercado global confiam na AWS como base para uma grande variedade de cargas de trabalho, como: aplicativos da web e móveis, desenvolvimento de jogos, processamento de dados, data warehousing, armazenamento, arquivamento e muito mais.

Já é mais do que hora de se desenvolver e enfrentar os desafios da pandemia. Com tecnologia e eficiência é possível vencer qualquer barreira!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *